Desemprego tecnológico: Não apenas nos EUA

China-mfg-and-employ
As vagas caem mas a produção cresce.

Andrew McFee, o principal pesquisador cientista do MIT que estuda o impacto da tecnologia acaba de postar esse gráfico que mostra a evolução do emprego na China em contraste com a produção.

A China aumentou sua produção em 70% entre 1996 e 2008, ao mesmo tempo que o número de vagas de trabalho caiu em 25%.

A automatização das fábricas na China está acontecendo de forma aguda e a produtividade está se acelerando, como aconteceu nos EUA há algumas décadas. Esse ganho de produtividade se dá pelo emprego de inovações tecnológicas.

Mesmo o custo do trabalho sendo apenas 4% do valor do trabalho nos EUA, as fábricas chinesas estão apostando em automação para o aumento de produtividade.

Isso deixa mais claro o quanto a tecnologia está impactando o mundo dos negócios em ritmo acelerado e porque não decisivo na nova guerra fria China versus EUA.